/ Nike

Como a Nike aplicou a filosofia do “just do it” ao DevOps

A jornada da Nike com o uso do DevOps foi compartilhada no DevOps Entrerprise Summit (DOES UK 2018) em Londres. Embora pareça contraditório, ter resultados melhores do que já se tem é um desafio! Ainda mais para uma empresa do porte e sucesso da Nike. Contudo, a marca novamente abraçou seu próprio slogan para mostrar que Just Do It! faz parte da cultura da empresa. Para aplicar o DevOps e obter resultados ainda melhores, a jornada da Nike apostou no “do it!” com coragem e espírito de equipe. Confira o case!

A jornada DevOps da Nike
Imagine isso: você é um funcionário de TI do alto escalão de uma empresa que não é do ramo de tecnologia e vale cerca de US$110 bilhões. De repente, um CEO recém-nomeado anuncia que a empresa vai entrar em uma nova era de crescimento e a tecnologia será a principal ferramenta para se aproximar dos clientes. Não sei como isso pode soar para você, mas certamente, é um misto de uma oportunidade única somada a uma grande responsabilidade, certo?

Randy Lions, um antigo funcionário da Nike, se viu diante desse desafio. Em uma parceria com a CFO da Nike, Michelle Power, a empresa de Lyons recebeu a seguinte missão:aproximar clientes dos produtos da Nike, disponíveis em qualquer das 7.000 lojas da marca pelo mundo, através de uma plataforma digital.

O objetivo da parceria, naturalmente, era aproveitar o fato de que hoje a maioria dos consumidores recorre a um smartphone antes de fazer qualquer compra. Porém aqui, a escala era um fator importante. Afinal, para que uma empresa do porte da Nike conseguisse uma transformação DevOps ou Agile bem-sucedida, uma mudança cultural completa foi necessária, especialmente do setor de TI.

O primeiro passo para a transformação foi mudar a cultura do time de TI. Como em muitas empresas que não são da área de tecnologia, a área era bastante subutilizada. Na Nike aquela história de que “a tecnologia ajuda um negócio a ter sucesso” era uma realidade. Porém, para o passo que a empresa queria dar, não bastava ajudar, era necessário que o TI passasse a existir como parte do negócio.

DevOps é um termo novo para você? Confira tudo sobre esse conceito!

#OneTeam
Tanto Lyons quanto Power trabalharam arduamente para instituir o papel do TI como parte integrante do negócio. Usando a hashtag #OneTeam, ambos conseguiram promover a interação e o alinhamento da equipe de tecnologia com as demais equipes da Nike. Esse espírito de equipe e o senso de pertencimento foi também a chave para manter todos os setores motivados para mudar a cultura e a hierarquia estrutural da Nike.

Outra jogada de mestre dos líderes foi mostrar para cada pessoa o impacto do seu trabalho dentro da estratégia. Rapidamente, perguntas como “como é que eu estou trabalhando para mudar essa empresa” foram substituídas por “o que eu posso fazer para contribuir?” e isso certamente afetou não apenas o engajamento entre setores, como também a produção individual.

Mapeamento de falhas
Porém, o engajamento dos times e a reformulação do papel do setor de TI foi apenas um passo da transformação. Para que o DevOps fosse de fato uma realidade para a Nike, havia algo mais a ser feito.

Power e Lyons descobriram que existia uma falha que poderia atrasar a mudança que buscavam: os funcionários não se sentiam recompensados pelo seu trabalho. Para muitas empresas esse é um fato ignorado em razão de questões maiores. Porém, no caso da Nike, para que o crescimento em velocidade ocorresse como planejado, era fundamental que as equipes se sentissem satisfeitas com o seu ambiente de trabalho.

Para solucionar a falha, a ideia de Power e Lyons foi implementar uma mudança simples. A Nike realiza anualmente uma cerimônia de premiação para parabenizar e recompensar os melhores funcionários. Porém, mais do que isso, Power e Lyons decidiram criar um momento de aplausos nos minutos finais da reunião semanal de equipes para todos aqueles que se destacaram e superaram as expectativas no projeto. “No começo foi um pouco estranho e devo admitir que foi uma medida bem americana” confessou Lyons, mas que ao final acabou impactando diretamente a cultura da empresa.

Graças à essa medida simples, de repente, a equipe de suprimentos começou a elogiar a equipe de vendas e a equipe de vendas, por sua vez, estava sendo elogiada pela equipe de tecnologia. Essa validação de um trabalho bem-feito por todas as equipes teve como resultado trabalhos ainda melhores!

Sistemas de softwares
Assim que todas as equipes estavam trabalhando de forma ágil e suficientemente integrada, foi possível produzir cinco sistemas de softwares separados e ao mesmo tempo integrados a um único perfil de cliente, considerando:

  • A seleção completa de produtos vendidos na loja
  • Aplicativo da Nike (para uma experiência mais personalizada)
  • Calçados (seleção completa de calçados vendidos na loja)
  • NRC (para rodar produtos)
  • NTC (para produtos em treinamento)

Esses softwares foram bastante eficazes para gerar uma ligação emocional do usuário com a marca e seus produtos. E, por fim, foi criada uma interface digital que possibilitaria a aproximação do cliente ao produto.

Processos
Sem dúvida, o processo de chegar a implementação do DevOps na Nike não foi simples. Ela mostra como a cultura e a estrutura de uma empresa precisam ser alinhadas para que a tecnologia tenha o seu maior aproveitamento.

Além de identificar falhas,muitos processos e a cultura precisou ser revista para que uma nova maneira, mais nova e mais eficiente de se fazer as coisas, pudesse surgir.

Para Lyons a implementação do DevOps da Nike foi mais do que um desafio, foi também um aprendizado como líder. Pela primeira vez se viu desafiado a não ser apenas um jogador da equipe, mas sim, o melhor jogador do time, como ele próprio confessou.

A jornada do DevOps da Nike foi um processo de transformação que ocorreu “de dentro para fora”. Por isso, “Just do it!” deixou de ser apenas um slogan para se transformar em uma forma de agregar valor e eficiência à Nike como um negócio. E o DevOps, sem dúvida, foi uma forma de ajudar a implementar isso.

Gostou do conteúdo? Compartilhe com seus amigos que se interessam pelo assunto e inscreva-se aqui para receber os nossos conteúdos no seu e-mail.

banner-transformacao-devops